• Sem categoria
  • 0

Gol de Lucca, Ponte Preta 1 x 0 Cruzeiro – Brasileirão Série A 22/06/2017

Curtam nossa página: http://www.facebook.com/LeandroSportsVideos

Com gol de Lucca, Ponte Preta vence e aumenta jejum do Cruzeiro
Macaca subiu para 14 pontos com a vitória. Cruzeiro, há três jogos sem vencer e com 11 pontos, caiu para parte de baixo da tabela.

Ponte Preta e Cruzeiro fizeram um jogo fraco pela nona rodada do Brasileirão, na noite desta quinta-feira, no Moisés Lucarelli. Com gol de pênalti cobrado por Lucca, ainda no primeiro tempo, a Macaca venceu a partida e a Raposa chegou a três partidas sem triunfo, ficando na 12º posição, com 11 pontos. Já o time de Campinas foi a 14 pontos e está na oitava posição.

Macaca e Raposa entraram em campo em jejum. Ambos não venciam há dois jogos e precisavam dar uma resposta ao seu torcedor. O Cruzeiro, com muitos jogadores poupados e lesionados, foi a campo com uma equipe quase inteira reserva. No primeiro tempo, os dois times erraram mais do que acertaram, criando poucas chances e deixando o jogo sem muita emoção. Até os 30 minutos, ninguém tinha finalizado a gol ainda.

Aos 35, Lennon se enroscou com Lucca e derrubou o atacante. O árbitro Grazianni Maciel Rocha apontou a penalidade máxima, que o próprio Lucca cobrou, atingindo a marca de seis gols, na vice-artilharia da competição. A Ponte ficou na frente no placar na primeira e única chance criada pelas duas equipes no primeiro tempo.

Na volta do intervalo, Sidnei Lobo lançou sua equipe à frente. Élber e Rafinha tentavam articular as jogadas de ataque, servindo Ábila e Rafael Marques, que depois saíram para as entradas do estreante Sassá e de Rafael Sóbis. As mudanças, no entanto, não surtiram muito efeito, e o Cruzeiro continuou tendo dificuldades em chegar ao gol defendido por Aranha.

A Ponte foi cozinhando o jogo a partir dos 30 minutos. Sem criar muito, assim como nos 45 minutos iniciais, estava mais do que satisfeita com a vitória magra. Gilson Kleina tirou Cajá e colocou Léo Artur, em uma clara tentativa de segurar o placar.

Share

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share
Share